Saiba como prevenir e identificar infartos

Compartilhe
Saiba como prevenir e identificar infartos

De acordo com Ministério da Saúde, cerca de 300 mil pessoas morrem anualmente em decorrência de doenças cardiovasculares. E o infarto está entre os casos mais comuns. O que nem todo mundo sabe é que é possível prevenir esse quadro com pequenas mudanças de hábitos e que ele exige atendimento imediato. Confira abaixo como evitar e como identificar infartos, além das formas de lidar com esse problema.

O que é infarto?

Antes de aprender a evitar ou identificar infartos, vale entender o que é o problema.

Também conhecido como ataque cardíaco, o infarto ocorre quando há um bloqueio prolongado no fluxo sanguíneo para o músculo cardíaco (miocárdio), de forma que ele seja danificado ou morra. Esse bloqueio é resultado da formação de coágulos sanguíneos e do acúmulo de placas de gordura (colesterol) nas artérias.

Como prevenir infartos

Como ficar longe de infartos? Simples: tenha hábitos saudáveis! Assim, é possível garantir a saúde do coração, deixando-o mais forte e reduzindo as chances de acúmulo de gordura. Entre as ações recomendadas estão: a prática de atividades físicas, que ajuda a controlar o peso e melhorar a circulação sanguínea; a adoção de uma alimentação equilibrada, rica em frutas e verduras, e pobre em gorduras saturadas; a manutenção do peso; e o controle do sono e do estresse.

Já na lista dos hábitos que devem ser deixados de lado estão o tabagismo e consumo frequente e intenso de bebidas alcoólicas.

Como identificar infartos

Os infartos podem ocorrer nas mais diversas idades, no entanto, são mais comuns entre pessoas com mais de 45 anos, que são fumantes e têm excesso de peso, pressão alta, diabetes ou colesterol elevado.

O quadro pode apresentar alguns sintomas prévios, como dores no peito durante o esforço físico, tosse seca e dificuldade para dormir. Veja abaixo os sintomas mais comuns que surgem na hora do ataque cardíaco e que exigem muita atenção. Vale destacar que em algumas pessoas o quadro pode ser silencioso ou seja, não apresenta sinais.

  • Dor no lado esquerdo do peito, que pode irradiar para o pescoço, axila, costas, braço esquerdo ou até mesmo, braço direito;
  • Dormência ou formigamento no braço esquerdo;
  • Enjoos e tonturas
  • Palidez e suor frio;
  • Palpitações;
  • Dificuldade para respirar.

Primeiros socorros em casos de infartos

Agora que você já sabe como identificar infartos, é importante descobrir o que fazer quando esse quadro surge. O primeiro passo é ligar para um serviço de emergência, para garantir um atendimento rápido e receber as recomendações necessárias. Durante a espera da equipe médica, é importante não oferecer bebidas ou comidas para o paciente. Além disso, pode ser necessário oferecer ácido acetilsalicílico, mas só com recomendação de um especialista. Em casos de falta de pulsação, inicie massagens cardíacas.

Quem chamar em casos de urgências e emergência

A Medicar é uma grande aliada em casos de infarto, uma vez que oferece Atendimento Médico Pré-hospitalar rápido no local solicitado. Assim, garante a saúde do paciente e a prevenção de complicações. A empresa ainda disponibiliza atendimento em domicílio e uma central de orientação médica 24 horas por telefone.

O atendimento da Medicar é rápido, pois a empresa trabalha com pequenas áreas de cobertura, o que evita grandes fluxos de carros no caminho.

RECEBA NOVIDADES