O que é o coronavírus? Entenda os sintomas e como é realizado o tratamento

Compartilhe
O que é o coronavírus? Entenda os sintomas e como é realizado o tratamento

Recentemente, inúmeras notícias a respeito do coronavírus têm se espalhado pela internet e causado pânico entre as pessoas, afinal, a ameaça de uma nova doença mundial pode ser o suficiente para nos deixar com medo. Mas diante de tantas informações fragmentadas é importante entender todo o contexto do coronavírus, bem como os seus sintomas e as chances de uma possível epidemia.

 

O que é o coronavírus?

Desde 1960, o coronavírus foi identificado como uma família de vírus que causa síndromes respiratórias, resfriados e pneumonias. Então é importante ressaltar que não se trata de uma nova doença ou de um novo vírus, e sim de um tipo de coronavírus que não havia sido identificado antes, uma nova versão desse vírus.

Em 2003 já havíamos lidado com um tipo de coronavírus. A SARS: Severe Acute Respiratory Syndrome (Síndrome Respiratória Aguda Grave) também surgiu na China e atingiu outros países, resultando em mais de 900 mortes.

 

Sintomas do coronavírus

De forma geral, os principais sintomas do coronavírus são febre, dor, dificuldade para respirar, tosse, diarreia e a evolução para uma pneumonia (quando a infecção atinge os pulmões).

 

A incubação da doença – o período de tempo em que o indivíduo é infectado e os sintomas se manifestam – estima-se ser de 14 dias. Isso significa que, para que o paciente seja diagnosticado com o coronavírus, deve ser observada a data de quando o paciente se expõe à infecção e a data do surgimento dos sintomas. Contudo, essa estimativa se baseia nos estudos realizados com outras versões do coronavírus. Pode ser que o tempo de incubação dessa nova versão seja diferente.

 

De onde surgiu o coronavírus?

Essa nova versão do coronavírus surgiu na cidade de Wuhan, província de Hubei, na China. Atualmente, Hubei se encontra isolada, ninguém tem autorização para sair ou entrar e todos os voos foram suspensos.

 

Até o momento, acredita-se que um mercado de peixes e frutos do mar são os responsáveis pela propagação do coronavírus.

 

Tratamento para o coronavírus

Ainda não foi encontrada uma cura e nem vacina para a prevenção do coronavírus. O tratamento consiste em um tratamento-suporte de cuidados intensivos para os sintomas, controlando a febre, dores e viabilizando a respiração que pode vir a ser dificultada pelo vírus. 

 

RECEBA NOVIDADES